1. Espiando o Grupinho Secreto da Mamãe - Parte 8 – A Diarista


    Encontro: 08/06/2021, Categorias: Primeira Vez / Adolescentes Ninfeta, Voyeurismo Lésbicas Menage, Doméstica, diarista, Empregada, Tia, Incesto Heterossexual Autor: Jcosta, Fonte: CasadosContos

    Olá, continuo aqui meu relato da época que eu João morava com meus pais em Porto Alegre, estamos na oitava parte, então se não viram as outras, peço que veja para entender melhor o que aconteceu,
    
    Nessa época meu pai era empresário do ramo de calçados e nos proporcionava uma vida confortável, porém minha mãe mesmo trabalhando meio período como professora em uma um maternal, gostava de fazer o serviço da casa, e sempre foi muito caprichosa em manter a casa limpa e organizada, porém uma vez por semana, ela chamava uma diarista para ajudar no serviço mais pesado da casa,
    
    A diarista havia sido indicada por uma funcionaria da firma de meu pai, pois era uma moça de dezoito anos que saiu de sua terra, uma cidadezinha muito pequena no interior do nosso estado chegando a Porto Alegre para tentar uma vida melhor, ela se chamava Luisa e morava com sua tia na periferia de Poa,
    
    Luisa era bem humilde e educada além de ser uma jovem bonita, loira, branquinha, tinha um corpo bonito, era magra, estatura mediana, seios pequenos mas muito empinados, inclusive me lembro de uma vez quando ela se abaixou e consegui ver através de seu decote o bico rosado de seus seios, sua bunda era delicada e se destacava não pelo tamanho mas pelo formato que já me despertava interesse, porem sempre fiquei na minha,
    
    Sempre tomamos cuidado para que todos de fora que estivessem na casa, não soubessem das nossas aventuras, então nos dias em que ela fazia a faxina, nos comportávamos como qualquer família normal,
    
    Bom, agora vou contar o que aconteceu. Era uma quarta feira, cheguei da
    
    escola, com meu e irmão trabalhando como de costume, e quando entro não vejo minha mãe, escuto um barulho na área de serviço e quando chego lá vejo Luisa passando roupa, ela usa uma blusinha branca bem de manga curta, calça jeans e tênis, me aproximo e falo:
    
    ...Bom dia Luisa, Tudo bem?
    
    ...Bom dia, tudo ótimo João, estou terminando de passar as roupas, mas já já vou passar um pano no chão do seu quarto tá?
    
    ...Sem problema, você viu minha mãe? Ela já deveria ter chegado do trabalho, sabe se ela foi para a academia?
    
    ...Ela foi sim, mas chegou com sua tia tem pouco tempo, deve estar no quarto, respondeu enquanto passava uma camisa,
    
    ...Vou lá então, valeu,
    
    Fui até o quarto, pois tinha uma ótima notícia, era novembro e com minhas notas das ultimas provas garanti minha aprovação para o ultimo ano da
    
    escola,
    
    Chegando lá vi minha mãe em pé mexendo na cômoda. tinha chegado da academia, usava um collant rosa, que de tão colado era como uma segunda pele, suas generosas curvas estavam exaltadas, seus seios fartos, com os faróis acessos e na frente logo a baixo, saltado aos meus olhos uma bela e inchada rachada, enorme que mordia o collant, com uma toalha na mão se preparava para o banho,
    
    Sentada na cama, minha tia Clara, como já relatei na outra parte, minha tia é tão safada quanto sua irmã e nesse dia como voltava da academia usava um top branco que levemente
    
    transparente ...
«1234...»