1. fodendo e dominando duas amigas na pandemia. parte 1


    Encontro: 11/06/2021, Categorias: cadela, submissa, Podolatria, BDSM Primeira Vez / Adolescentes Submissão, Heterossexual Autor: Aokij, Fonte: CasadosContos

    Atenção, o conto está meio grandinho, mas eu garanto que vocês não irão se arrepender, tenham uma ótima leitura)
    
    Olá a todos, já que esse é o meu primeiro conto então eu gostaria de me apresentar antes, me chamo Luiz, tenho 24 anos, sou moreno claro, 1,80 de altura, mais ou menos uns 70kg, no conto de hoje irei falar sobre como dominei duas amigas minhas, não usarei os nomes reais por questões óbvias, enfim... vamos começar!
    
    Tudo começou em uma tarde de sexta-feira, eu estava totalmente entediado em casa, eu trabalho pela internet, então com essa pandemia eu praticamente não estou saindo, vocês sabem como é horrível ficar tanto tempo sem interagir com amigos, sem falar do tempo que eu já estava sem transar, estava pedindo a Deus por uma trégua e parece que ele me ouviu, logo depois de reclamar sobre o tédio o meu celular toca, era o meu amigo Lucas me chamando para a casa dele, perguntei o que teria de bom lá e ele logo me disse que chamaria a Laura e a Julia para ficar lá com a gente, meus amigos, eu passei de entediado para o cara mais feliz em menos de 2 segundos, eu iria ver gente e com certeza iria transar, pois a Julia é a mina que eu pego, conheço bem o que ela gosta... enfim, aceitei na hora e disse que levaria as bebidas.
    
    Passou um tempo e lá estava eu já arrumado para ir pra casa do Lucas, antes eu passei no mercado e já fui logo comprar as bebidas, comprei algumas cervejas e catuaba, mano... eu amo beber catuaba, eu não sei o que acontece, mas essa bebida me dá um tesão do caralho, eu fico selvagem como diz na própria embalagem, paguei as bebidas e fui em direção a casa dele, ao tocar a campainha sou recebido pela Julia, dou um leve sorriso para ela, que logo retribui e diz:
    
    - Oi Lu, quanto tempo... entra, fica à vontade.
    
    Achando engraçado o modo que ela falou, eu respondo brincando:
    
    - Hm, tá se achando a dona da casa já né.
    
    Começamos a rir enquanto fui entrando devagar, deixei as bebidas na cozinha e voltei para a sala, vendo que só tinha nós dois ali eu fiquei curioso e perguntei para ela aonde estavam os outros dois, logo ela me respondeu:
    
    - Eles já foram na rua comprar coisas para comer, porque? Já tá enjoado de ficar sozinho comigo é?
    
    Eu amo o jeito da Julia, ela fala sem medo, isso me atrai, uma mina de cabelos pretos enroladinhos, pele branquinha, seios medianos, uma bundinha empinada perfeitinha, muita atitude, mas quando se entrega é totalmente submissa, tudo que eu mais gosto. Sorri para ela e logo falei:
    
    - A para... Sabe muito bem que eu amo ficar sozinho com você...
    
    Ela me olha um pouco séria e com ar de dúvida, logo retruca:
    
    - Não sei se acredito muito nisso, você agora só sabe recusar quando eu te chamo para fazer algo só nós dois...
    
    Era engraçada aquela situação, ela parecia uma namoradinha brava, aquilo me excitava de alguma forma, então eu logo tomei a atitude e fui em direção a ela, segurando seu corpo eu fui a levando para a parede e deixando ela encostada lá imóvel, com a mão ...
«1234...»