1. No teatro da escola


    Encontro: 21/07/2021, Categorias: Traição / Corno Grupal Autor: Pedrão32, Fonte: ContosEroticosCnn

    Pedro novamente, estou relatando histórias de quando eu tinha meus 18 anos e namorava Carla, tenho 1, 80m, branco, um pouco de músculos nos braços porém magro, cabelo pretos e olhos verdes, meu pinto tem 23 cm. Carla tinha 1, 72m, os seios médios, loira, olhos castanho e bunda na média. Já descobri que Carla gostava de me trair porém eu traia ela então não tinha do que reclamar.
    
    Estávamos no final do nosso último ano, o pessoal já começava a faltar na escola e aulas eram várzeas, tirando alguns professores que ainda davam aula. Na semana seguinte ia rolar a viagem de formatura do terceiro no qual iriamos. Na sala onde eu estudava eu tinha dois amigos o Yuri e o Igor que agitaram pra gente cabular a 3ªaula e ficar direto pro intervalo, assim fizemos e fomos para as quadras e nos escondemos para os monitores não pegarem a gente porém depois de um tempo vimos que um pessoal começou a ficar nas quadras, ou seja, aula vaga de alguma turma e poderíamos nos misturar. Foi quando vi Jéssica e fui falar com ela.
    
    Eu: Eae Jéssica!
    
    Jéssica: Oi Pedro, aula vaga?
    
    Eu: Nada, matando aula e a Carla?
    
    Jéssica me puxou e se despediu das meninas e falou:
    
    – Ela foi com o Luís e o Jorge.
    
    Eu: – Para onde?
    
    Jéssica: – Vem comigo.
    
    Então entramos por um caminho onde tinha tipo uma oficina e trabalhava alguns caras que arrumavam coisas da escola porém estava vazio devido ao final de ano, demos numa porta que levava ao teatro da escola e entramos, fomos ao palco atrás da cortina e por fim tinha um camarim onde era possível escutar os gemidos de Carla, encostamos os olhos na porta meio aberta e Carla já estava peladinha sentando naquele pau de 20 cm de Luís enquanto com o a cabeça erguida tentava um garganta profunda naqueles 25cm de Jorge sem sucesso. Meu pau endureceu na hora vendo aquela cena e Jéssica percebendo começou a esfrega-lo.
    
    Luís: – Nossa Carla, não me canso de comer essa sua buceta safada, você conseguiu transar com aquele corno do Pedro depois daquele dia?
    
    Carla tirando o pau da boca e saiu aquela coisa comprida toda babada e começou uma punheta em Jorge:
    
    – Nem fiz, sai mancando de lá você viu, vocês acabaram comigo.
    
    Luís: – Mas você gostou né?
    
    Carla: – Doeu mas foi algo que nunca senti antes.
    
    Luís então puxou Carla para ele, Jorge veio por trás com aquele pau gigante e começou a entrar no seu cuzinho que já estava largo e começaram uma dp. Quando dei por mim, meu pau já estava dentro da boca de Jéssica que me pagava um boquete molhado, Jéssica era japa, tinha 1, 60m, um pouco de peito e uma bundinha legal, bem magrinha, com cabelo curto, peguei Jéssica e saímos da porta, fomos até um canto do fundo do palco onde tinha umas caixas e ali mesmo fui tirando suas calças a encostei nas caixas onde se apoiou e comecei a cuspir nos dedos e enfiar no seu cuzinho, então a penetrei e comecei a foder ela com força e escutava ela tentando segurar os gemidos com aquela voz fininha de japonesa e ficamos assim por uns 5 minutos, ...
«12»