1. Marcela Nudista – Onde tudo começou (Parte 2)


    Encontro: 10/10/2021, Categorias: Fantasias Incesto Autor: Marcelinha, Fonte: ContosEroticosCnn

    Naquela tarde de sábado, liguei pro Caio e perguntei se ele queria vir, ele disse que sim e que iria chegar em algumas horas, pois estava esperando a mãe dele chegar. Eu tava pelada na minha cama, com muito tesão e comecei a me masturbar loucamente, até que minha mãe chegou e me viu com o dedo na buceta…
    
    “Filha, para de tocar siririca e vai lavar essa mão pra você comer seu lanche”
    
    Assenti pra minha mãe, fui ao banheiro e logo depois voltei pro meu quarto pra comer meu lanche.
    
    “Mãe, falei com o Caio ele disse que vai vir assim que a mãe dele chegar em casa”
    
    “Tá bom filha”
    
    “Posso ficar pelada?”
    
    “Pode filha, mas lembre-se, se for transar eu vou ficar do seu lado dessa vez pra te ensinar, quero ver se ele é gentil enquanto faz amor com você”
    
    “Te amo mãe”
    
    Fui pro banheiro pra tomar um banho, logo em seguida minha mãe entrou junto comigo. Ela começou a me ensaboar… e que delícia era tomar banho com ela, com aqueles peitos enormes na minha cara. Eu estava de frente pra ela enquanto gentilmente ela passava a mão por todo o meu corpo, meus seios, minha buceta… era um momento de mãe e filha, pois eu também fazia o mesmo com ela.
    
    Saímos do banho, enquanto eu tava me secando a campainha tocou, nem enrolei a toalha e fui pelada até a porta, era Caio. Ele ficou imóvel ao me ver sem uma peça de roupa, pois nem chinelo eu usava, só o meu piercing de umbigo e a minha fita amarrada no meu calcanhar direito. Caio falou…
    
    “Desculpa Marcela, se quiser eu volto outra hora”
    
    “Que nada bobo, minha mãe e eu somos nudistas, vivemos totalmente sem roupa em casa, pode entrar querido”
    
    Caio entrou totalmente com vergonha, posteriormente eu e minha mãe combinamos de receber qualquer visita com pelo menos uma toalha ou uma canga.
    
    Minha mãe veio recepcionar o Caio também sem roupa…
    
    “Oi meu lindo, tudo bem?”
    
    “Oi sra… desculpe nao sei seu nome…”
    
    “É Rosane querido”
    
    Caio tava muito vermelho, pois ele naturalmente não tirava os olhos dos seios e da buceta depilada da minha mãe
    
    “Oi Rosane, prazer em conhece-la”
    
    Minha mãe recebeu Caio muito bem em nossa casa, ofereceu um lanche e bebida, depois disse que iria para a piscina. Eu já estava a fim do Caio, perguntei se ele queria ver TV no quarto da minha mãe e ele aceitou. Como estava calor, deitei-me ao lado dele pelada, e a unica coisa que ele fez foi tirar a camisa, ficando só de bermuda. Olhei pra ele, ele se virou e começou a olhar pra mim. Trocamos carícias e começamos a nos beijar, eu desci minha mão por dentro da bermuda dele e senti seu pau duro e molhado. Eu me levantei, tirei a bermuda dele com toda a fúria joguei no chão e comecei a chupá-lo. Chupei muito o seu pau, babando tudo, subia e descia naquele caralho maravilhoso e cheguei até a engasgar. Caio tava ofegante quando falou…
    
    “C..calma amor calma… eu to sem preservativo…”
    
    Nem dei ideia, posicionei seu pau duro na minha buceta e com ele deitado, comecei a sentar, minha buceta tava encharcada. Eu tava kickando, ...
«12»